Carrefour é desligado da Iniciativa Empresarial pela Igualdade Racial por tempo indeterminado

0
14

A Iniciativa Empresarial pela Igualdade Racial desligou o Carrefour das suas atividades por tempo indeterminado, segundo comunicado divulgado na noite de sexta (20/11). A decisão foi tomada após o assassinato de João Alberto Silveira Freitas, homem negro de 40 anos espancado e morto por dois seguranças em uma unidade da rede em Porto Alegre (RS), na noite do dia 19 de novembro, véspera do Dia da Consciência Negra.

“É criminoso um ambiente empresarial em que um cidadão entre para fazer uma compra e saia morto. E é conivente todos aqueles que se omitiram e não tomaram as medidas para que essa morte fosse evitada. Inclusive os que se calam”, diz a nota. “Os acontecimentos de ontem, dia 19/11/2020, denotam e remetem inexoravelmente a um histórico dos quais não podemos nos furtar.” Com informações do Congresso em Foco.

Veja a íntegra do comunicado:

A Iniciativa Empresarial pela Igualdade Racial é um movimento formado por empresas e instituições comprometidas com a promoção da inclusão racial e a superação do racismo. Os integrantes representam mais de R$ 1,3 trilhão em faturamento, mais de 800 mil pessoas e alcance global.

A Iniciativa Empresarial pela Igualdade Racial expressa profunda repulsa ao assassinato de João Alberto Silveira Freitas, homem negro, de 40 anos, espancado e morto por dois seguranças funcionários de uma unidade da rede de supermercados Carrefour em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, na noite do último dia 19.

“Repudiamos com todas as nossas forças o assassinato do cidadão negro João Alberto Silveira Freitas, por seguranças do Supermercado Carrefour, na cidade de Porto Alegre. É criminoso um ambiente empresarial em que um cidadão entre para fazer uma compra e saia morto. E é conivente todos aqueles que se omitiram e não tomaram as medidas para que essa morte fosse evitada. Inclusive os que se calam.

DEIXE UMA RESPOSTA