Delegado da Polícia Civil é preso na Operação Fim de Linha do Ministério Público estadual

0
32

O delegado da Polícia Civil, alvo da Operação “Fim de Linha”, deflagrada pelo Ministério Público do Estado do Ceará nesta sexta-feira (09/10), foi preso preventivamente, por decisão da 2ª Vara Criminal de Maracanaú, após ter sido constatado que o mesmo destruiu objeto de prova durante o cumprimento do mandado de busca e apreensão em sua residência. Segundo os promotores responsáveis pelo caso, o delegado quebrou o telefone celular, objeto da apreensão autorizada pela Justiça. Até o momento não foi revelado o nome do policial.

Além disso, destaca-se que foi encontrado, na sala da inspetoria da citada Delegacia, um aparelho de dar choque e, na sala dos escrivães, um cacetete artesanal, sendo tais objetos alheios à atividade ordinária da polícia.

Outra atualização diz respeito ao empresário que também foi alvo dos mandados de busca e apreensão, que chegou a ser preso em flagrante por posse ilegal de arma, mas que pagou fiança de R$ 20.000,00 e foi liberado.

O Ministério Público reitera o chamamento à população para colaborar com as investigações.

DEIXE UMA RESPOSTA