Feriadão de Nossa Senhora Aparecida teve redução de 50% em mortes nas rodovias cearenses

0
15

O Batalhão de Polícia de Trânsito Urbano e Rodoviário Estadual (BPRE) da Polícia Militar do Ceará (PMCE) contabilizou uma redução de 50% nos números de vítimas fatais nas rodovias estaduais durante o feriadão de Nossa Senhora Aparecida. O número é um comparativo com o feriado do dia 7 de setembro deste ano, quando o feriadão também englobou três dias. O total de acidentes e de feridos também registrou retração.

No feriadão do mês passado, foram oito vítimas fatais, enquanto no feriadão que também marcou o Dia das Crianças foram quatro casos. Quando se trata de acidentes, a redução foi de 16%, indo de 31 casos para 26. No número de feridos, a redução foi de 5%, indo de 19 para 18. No total, foram 10.375 veículos abordados nas rodovias estaduais pelos policiais militares do BPRE que atuaram em 28 postos fixos e 10 postos avançados.

“Assumimos recentemente o comando do Batalhão de Polícia de Trânsito Urbano e Rodoviário Estadual e dentre as missões advindas do comando da PMCE está a de conseguir um trânsito mais seguro nas rodovias estaduais. Para esse feriado, em específico, entendemos que a melhor forma de agir seria trabalhar os dados estatísticos de acidentalidade nas rodovias estaduais e a partir daí desenvolver a melhor estratégia no que diz respeito ao emprego da tropa do BPRE e garantir um feriado com menos violência no trânsito”, explicou o tenente coronel Alexandre Holanda, comandante do BPRE.

As ações nas CEs também culminaram em 3.279 notificações com 16% de aumento em comparação ao feriadão anterior, quando foram 2.832. Com a soma dos procedimentos com base nos artigos 165 (infração administrativa) e 306 (infração penal) do Código Brasileiro de Trânsito (CTB) foram registradas 102 autuações. O número é 120% superior às autuações registradas no feriadão da Independência, quando foram 46 casos.

Por último, quando se trata das apreensões, 70 Carteiras Nacionais de Habilitação (CNHs) foram apreendidas, com 126% de aumento. No período de comparativo em setembro, foram 31 apreensões. “Ficamos satisfeitos com os resultados alcançados. Apesar do planejamento ser essencial para esse tipo de situação, o empenho da tropa foi condição primordial para atingir esses resultados”, disse o oficial.

Operação

As ações começaram às 18 horas de sexta-feira (9) e duraram até as 20 horas dessa segunda-feira (12). Além do efetivo de 338 policiais militares, foram utilizadas ainda 39 viaturas, 33 motocicletas e 20 guinchos. As fiscalizações foram reforçadas prioritariamente em rodovias de grande fluxo como CE 040, CE 060, CE 065 e CE 085, que costumam ser bastante utilizadas em feriados prolongados. Devido à pandemia do novo coronavírus (Covid-19), durante todo o período também foram realizadas fiscalizações quanto ao uso das máscaras de proteção individual.

Apoio Ciopaer

Durante o feriadão, a Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) realizou 18 missões. No total, foram quase 20 horas voadas pelas aeronaves da Coordenadoria. “A Ciopaer atuou intensamente nesse feriadão em ações de patrulhamento preventivo e fiscalização de estradas, com ação de presença, dando o devido apoio às vinculadas da SSPDS. Destacamos também os resgates e as remoções aeromédicas, oferecendo a agilidade das aeronaves para salvar vidas”, destacou o capitão Elton Oliveira, relações-públicas da Ciopaer.

Atualmente, a Ciopaer possui quatro bases no Estado, sendo uma em Fortaleza, uma em Juazeiro do Norte, uma em Quixadá e outra em Sobral. A coordenadoria dispõe de dez aeronaves, sendo nove helicópteros (um EC130 B4, dois AS350B2 esquilo, três Airbus EC135 e três EC145) e um avião modelo Cessna 210.

DEIXE UMA RESPOSTA