Quatro toneladas de drogas foram apreendidas pela Polícia Militar, em Aquiraz

0
9

Quatro toneladas de drogas. Esse é o resultado da maior apreensão de entorpecentes feita pelas forças policiais do Estado do Ceará. A ação ocorreu, na noite de domingo (06/9), em Aquiraz – cidade pertencente à Área Integrada de Segurança 13 (AIS 13) do Estado, por equipes da Polícia Militar do Ceará (PMCE). Durante a ofensiva, dois veículos utilizados no delito também foram apreendidos.

Os detalhes do trabalho policial foram divulgados em coletiva de imprensa, nesta manhã (07), na sede do Quartel do Comando Geral (QCG), que contou com a presença do coronel comandante geral da Polícia Militar do Ceará, Alexandre Ávila de Vasconcelos; do coronel George Stenphenson, da Coordenadoria Geral de Operações (CGO); e o comandante do Comando de Policiamento de Choque (CPChoque), coronel Ronaldo José de Sousa.

No total, foram apreendidos quatro toneladas e 21 quilos de maconha prensada. As drogas foram localizadas no Distrito de Tapuio, logo após os policiais militares do 15° Batalhão de Polícia Militar (BPM) receberem uma denúncia anônima. Conforme levantamentos policiais, a informação seria de que próximo ao Sítio Raimundo Maia estaria havendo um descarregamento de drogas. Imediatamente, diligências foram realizadas.

Ao visualizar as composições, um indivíduo efetuou disparos de arma de fogo contra os militares, que revidaram. Foram feitas buscas na região, mas o suspeito não foi localizado. Na estrada carroçável, após buscas, um caminhão-baú e um carro modelo Peugeot foram encontrados. De acordo com os PMs, dentro do caminhão havia mais de 15 sacos contendo maconha prensada.

Todo o material ilícito foi conduzido para a Delegacia Metropolitana do Eusébio da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE). Na delegacia, um procedimento sobre o fato foi instaurado e transferido para a Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas (DCTD), unidade que dará continuidade às investigações. A Polícia Civil investiga o caso, com o intuito de identificar e localizar os envolvidos no crime.

Denúncias

A população pode colaborar com os trabalhos investigativos repassando informações que tenha conhecimento sobre o tráfico de drogas e de suspeitos com envolvimento na atividade ilícita. As denúncias podem ser feitas para o número 181, o Disque-Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), para o (85) 3472-1550, da DCTD, ou ainda para o número (85) 98895-5749, que é o WhatsApp da Divisão, por onde podem ser feitas denúncias via mensagem. O sigilo e o anonimato são garantidos.

DEIXE UMA RESPOSTA